Blog

O poder do Marketing de Influência para geração de vendas e awareness

Carol e Vivian

Desde a invenção da imprensa, no séc. XV, a humanidade viveu séculos de conteúdo hierarquizado, com a distribuição da informação controlada pelos meios de comunicação tradicionais (jornal, rádio e tv). No entanto, as últimas duas décadas foram marcadas por profundas mudanças devido ao surgimento das redes sociais, que impulsionaram o processo
de democratização do conteúdo, abriram espaço para a concorrência ilimitada e contribuíram para a perda da credibilidade por parte das instituições.

Atualmente, na era do Marketing Digital 4.0, um produto de qualidade e uma estratégia baseada nos 4P’s não garantem mais o sucesso do negócio. Em época onde marcas se fazem presentes no cotidiano dos consumidores é preciso ir além e considerar outros p’s na estratégia, como pesquisa, produção de conteúdo, publicação e personalização.

O anseio dos consumidores por mais verdade no relacionamento com as marcas resultou na humanização do processo de comunicação e é justamente nesse espaço que se posicionam os influenciadores digitais. O Marketing de Influência, ou Influencer Marketing é, basicamente, o
endosso dos produtores de conteúdo – que possuem grande influência sobre determinados públicos – em uma campanha de marketing.
A relação de confiança legítima que estabelecem é um dos grandes ativos que o marketing de influência traz para a publicidade, contribuindo
assim com novas narrativas e a possibilidade de explorarem atributos que seriam deixados de fora em um plano de mídia tradicional.

Acreditamos que todos os segmentos podem usufruir do marketing de influência desde que as empresas estejam abertas a mudar a maneira de fazer publicidade. É importante entender que essa nova forma de comunicar tem muito mais a ver com nichos e comunidades do que com
uma mensagem topdown
. A construção de uma narrativa forte é essencial! Não há espaço para mensagens pré-fabricadas, os valores da marca e do influenciador devem ser parecidos e o relacionamento entre ambos, verdadeiro para se construir ações personificadas e coerentes
com o conteúdo abordado por cada influencer.

Nesse cenário, não se pode enxergar o produtor de conteúdo como um product place. Estes devem ser entendidos como shared mídia (mídia compartilhada), por isso a marca precisa ter grande clareza sobre seu posicionamento e assim saberá identificar os influenciadores com os
quais se relacionar
.

Partindo da definição de um objetivo, entender toda a jornada do cliente e a função que o produtor de conteúdo desempenhará na ação é essencial para uma correta mensuração dos resultados, que serão um tanto subjetivos. É preciso um time preparado para enxergar muito além do CPL (custo por lead). A qualidade do engajamento desempenha um papel primordial
na construção da imagem e reputação da marca, um objetivo intangível que muitas vezes é rebaixado a segundo plano.

Conte com nossa expertise e experiência para elaborarmos ações coerentes com os objetivos de sua empresa, estabelecendo relacionamentos de longo prazo que visam integrar o marketing de influência à estratégia de marketing do seu negócio.

Carol Pio Pedro é pós-graduada em Marketing, graduada em Administração Hoteleira e soma 15 anos de atuação nas duas áreas. Passou por multinacionais no Brasil e Estados Unidos, participou da estruturação de áreas de marketing, formando e capacitando equipes sob sua liderança, com foco em planejamento estratégico de lançamento e reposicionamento de marcas e produtos. Em 2015 iniciou o trabalho de consultoria e gestão de projetos de marketing & comunicação. Também é produtora de conteúdo e se destaca como idealizadora do 30 Jours à Paris, canal com dicas e informações sobre a capital francesa, e autora do livro “30 Jours à Paris: inspirações para uma viagem autêntica” (Editora Letramento).

Vivian Sehn Tedeschi possui mais de dez anos de experiência em Comunicação Digital, Relações Públicas e Marketing Online. Atuou em grandes agências e atendeu clientes como L’Oréal Brasil, Facebook, Mc Donald’s e Walmart, entre outros. No setor de moda, foi responsável pela definição de estratégia digital, criação do blog e gestão de todos os canais da marca Ricardo Almeida em 2014. Além disso, também possui formação em Consultoria de Estilo.

tags:

  • influencer
  • influencer marketing
  • influenciadores digitais
  • marketing de influência